TJRR inicia hoje em Roraima ações do programa Justiça pela Paz em Casa

0
81

Durante toda esta semana, estratégias do Poder Judiciário no combate à violência contra a mulher deverão ser reforçadas

Será promovido esforço concentrado a fim de agilizar audiências e julgamentos de processos que envolvam violência ou grave ameaça contra a mulher / Foto: Ascom/TJRR /

A partir das 8 horas desta segunda-feira, dia 11, começam a ser executadas em Roraima as ações do programa nacional do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), o Justiça pela paz em Casa.

O objetivo da campanha, promovida no Estado pelo TJRR (Tribunal de Justiça de Roraima), por meio da Coordenadoria Estadual da Mulher em situação de violência doméstica e familiar, Varas Criminais e Comarcas do Interior, é reforçar as estratégias do Poder Judiciário no combate à violência contra a mulher.

Durante a campanha, que vai até sexta-feira, dia 15, será promovido esforço concentrado a fim de agilizar audiências e julgamentos de processos que envolvam violência ou grave ameaça contra a mulher, além das atividades extrajudiciais, com foco na divulgação da Lei Maria da Penha e atividades de sensibilização da população sobre a importância do combate à violência doméstica contra a mulher.

Dentro do cronograma de atividades extrajudiciais, nesta segunda-feira, a programação tem início com as atividades do Projeto Educacional Maria Vai à Escola, na escola municipal Vovó Júlia. Nesta etapa do programa, além da escola referida, serão beneficiados os alunos da escola municipal Cunhatã Curumim.

Ainda na segunda-feira, às 14 horas, a Coordenadoria de Violência Doméstica do TJRR, em parceria com Núcleo de Serviço Social, do Centro Universitário Estácio da Amazônia, retoma o Projeto de Extensão de Acolhimento a mulheres em situação de violência doméstica e vulnerabilidade.

Já terça-feira, dia 12, às 15 horas, a Juíza Maria aparecida Cury, titular do Juizado de Violência Doméstica e Familiar do TJRR, participará como palestrante de uma Roda de Conversa, no Centro de Referência da Saúde da Mulher, localizado na avenida Capitão Júlio Bezerra, número 1.632, bairro Aparecida.

Na quarta-feira, dia 13, às 9h30, a equipe do Juizado de Violência Doméstica e Familiar, a convite da Coordenadoria de Extensão do CBVZO-IFRR (Instituto Federal de Educação de Roraima – Campus Boa Vista Zona Oeste), que fica na rua Professor Raimundo Nonato Chacon, número 1.976, no bairro Laura Moreira (Conjunto Cidadão), participa de atividade alusiva ao Dia Internacional do Mulher, aplicando orientações aos estudantes sobre “Questões da Lei Maria da Penha e Violência doméstica contra Mulher”.

Outra atividade será na quinta-feira, dia , às 14 horas, com a pedagoga, Aurilene Mesquita, que palestrará sobre “Violência Doméstica” para acadêmicos do curso de Serviço Social da Uerr (Universidade Estadual de Roraima).

Finalizando às ações do programa, na sexta-feira, dia 15, retornam os atendimentos do Grupo de Terapia “Elas”, destinado a mulheres em situação de violência doméstica e familiar. A equipe é composta por uma psicóloga facilitadora e acadêmicas do curso de psicologia da Faculdade Cathedral.

PROGRAMA NACIONAL

Iniciada no ano de 2015, a Semana Justiça pela Paz em Casa é realizada três vezes por ano: em março, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher; em agosto, por ocasião do aniversário da promulgação da Lei Maria da Penha; e em novembro, durante a Semana Internacional de Combate à Violência de Gênero, estabelecida pela onu (Organização das Nações Unidas).

DA REDAÇÃO

Comentários