Catarina solicita reforma do Teatro Carlos Gomes e de ginásio em Pacaraima

0
472
A parlamentar também solicitou ao Executivo que conclua a construção de caixa d’água no bairro Cidade Satélite, em Boa Vista / Foto: Diego Dantas /

Mais três indicações de autoria da deputada estadual Catarina Guerra (SD) foram lidas na sessão desta quinta-feira, 9, da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR).

Dessa vez, a parlamentar solicitou ao Governo do Estado que providencie a reforma do Teatro Carlos Gomes – que encontra-se abandonado há vários anos – e do ginásio poliesportivo do município de Pacaraima, ao norte do Estado. Em outra indicação, Catarina também solicitou ao Executivo que conclua a construção de caixa d’água no bairro Cidade Satélite, em Boa Vista.

Teatro Carlos Gomes

Preocupada com o estado de abandono em que se encontra o Teatro Carlos Gomes, a deputada Catarina Guerra apresentou indicação solicitando que o governador Antonio Denarium mande reformá-lo. De acordo com a parlamentar, o local há anos virou alvo de furtos, abrigo para moradores de rua, comercialização de drogas dentre outros ilícitos.

“O abandono do Teatro Carlos Gomes afeta não somente os artistas, mas também a sociedade em geral, pois as suas condições decadentes contribuem para o aumento da marginalização. É inaceitável que um patrimônio público e histórico que um dia foi palco de inúmeras atrações culturais e artísticas locais, hoje esteja abandonado e em condições tão decadentes”, argumenta.

Ginásio de Pacaraima

Relatos de moradores sobre a situação precária do Ginásio do município de Pacaraima motivaram indicação ao Executivo assinada pela deputada Catarina Guerra, solicitando reforma do local.

De acordo com os relatos, o ginásio apresenta péssimas condições de uso, banheiros e vestiários soltando os revestimentos, paredes com infiltração, cobertura metálica desgastada, além da ausência de iluminação e fios descascados, com a possibilidade iminente de acidente elétrico.

Segundo a parlamentar, o local está sendo alvo de vandalismo e é utilizado como ponto de vendas de drogas ilícitas. A escuridão e a falta de vigilância facilita a ação dos vândalos e usuários de drogas.

“O ginásio precisa estar em boas condições para que continue sendo utilizado para realização de trabalhos sociais importantíssimos, além de servir como suporte para a prática de atividades esportivas escolares e da população. O acesso a esse tipo de local acaba incentivando o esporte de todos os moradores e colaborando para um sadio desenvolvimento de crianças, adolescentes, jovens e adultos”, justifica.

Caixa d’água do Cidade Satélite

O serviço de abastecimento de água tem sido prestado de forma irregular aos bairros mais afastados do centro da cidade, com interrupções que chegam a 12 horas, prejudicando as atividades mais básicas da população, como cozinhar, realizar a higiene pessoal entre outros.

Segundo informações dadas pela Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinf), no ano de 2013 foi iniciado no bairro Cidade Satélite a construção de uma caixa d’água, que teria como função a complementação do sistema de abastecimento de água naquela região da capital. Entretanto, a obra está paralisada e com cerca de 80% dos trabalhos concluídos.

Com base nessas informações, a deputada Catarina Guerra solicita ao Executivo, por meio de indicação, a conclusão da obra de construção da caixa d’água, visando a manutenção e a melhoria na qualidade de vida dos moradores, tendo em vista que o sistema de abastecimento atenderá mais de 10 mil domicílios, beneficiando mais de 40 mil moradores do bairro com água tratada e de qualidade.

DA REDAÇÃO

Comentários