CARAVANA DO POVO – Em mutirão de atendimento, mãe escuta pela primeira vez os batimentos cardíacos do filho

0
268
Mais de 1 mil moradores da Vila União, no Cantá, foram beneficiado pelos serviços / Foto: Neto Figueredo /

Emocionada, a dona de casa Neide Lima ouviu pela primeira vez os batimentos cardíacos do bebê. Grávida de três meses, Neide ainda não tinha conseguido marcar a ultrassonografia. Nesta sexta-feira, 13, ela foi atendida durante a 12ª edição Caravana do Povo, na Escola Estadual Otília de Sousa Pinto, na Vila União, município de Cantá.

“Meu bebê está ótimo, o coração dele bate tão forte. O médico mostrou como ele está. Eu me emocionei”, declarou Neide. Ela é uma das mais de mil pessoas atendidas na ação de governo que leva mais de 70 serviços para todos os municípios do Estado, todas as semanas.

Os serviços de saúde estão entre os mais procurados. Ao todo foram ofertados atendimentos em sete especialidades médicas com dez médicos. Na Carreta da Saúde da Mulher também foram disponibilizados exames de ultrassonografia e mamografia.

Pelos corredores da Escola Estadual Otília de Sousa Pinto os moradores aguardavam atendimento. As salas se tornaram consultórios médicos, farmácia, ponto renegociação de débitos das contas água, orientações sobre programas do Governo.

O pequeno Thalisson, de 11 anos, sentia fortes dores de cabeça, que deixavam a mãe preocupada. As dificuldades para enxergar as letras na lousa em sala de aula só aumentaram e a ida do garoto a um oftalmologista era necessária, mas por falta de recursos, a dona de casa Janaína Costa não podia se deslocar até Boa Vista com o filho. “Economizei uns R$ 300,00 só com a consulta médica. Estou aliviada. Agora é mandar fazer os óculos e ele voltar e enxergar melhor”, comemorou a mãe.

Toda a família foi beneficiada pelos mais de 70 serviços disponíveis no mutirão de cidadania. Além da consulta ao oftalmologista para o Thalisson, a dona de casa também levou o filho caçula ao pediatra.

Outro serviço bem solicitado é a emissão e reimpressão de carteira de identidade ofertado pelo Instituto de Identificação. Na unidade móvel é possível fazer todos os procedimentos para emissão da 1ª via do documento como a coleta das digitais, dados e fotos. O documento fica pronto em 15 dias e emitido gratuitamente.

“Consegui emitir a segunda via da minha Identidade e a primeira via do documento do meu filho que tem 11 anos. O serviço perto da comunidade nos ajuda muito”, comentou o comerciante Cícero Bernaldino.

Desde 2016, foram realizadas 73 edições da Caravana do Povo e registrados mais de 283 mil atendimentos.

DA REDAÇÃO

Comentários