*

links

*

mídias

SESSÃO ITINERANTE – Vereadores ouvem demandas de moradores do bairro Jardim das Copaíbas

6 dez 2017 | 0 comentário

Sessão foi realizada a pedido da vereadora Dra. Magnólia Rocha / Foto: Patrick Soares /

Localizado por trás do 5º DP, o bairro Jardim das Copaíbas, mesma região do Distrito Industrial, recebeu na noite desta terça-feira (05), a a 9ª edição da Sessão Itinerante da atual Legislatura da Câmara Municipal de Boa Vista (CMBV). A realização da sessão foi em atendimento a requerimento da vereadora Dra. Magnólia Rocha (PPS). Nove dos 21 vereadores de Boa Vista se fizeram presentes para ouvir as demandas dos moradores.

Falta de documentação dos terrenos, de água encanada e de transporte público são as principais reivindicações. O presidente da Associação dos Produtores Rurais do Jardim das Copaíbas, Elias José Dionísio, disse que a falta de documentação da terra deixa os moradores e trabalhadores fragilizados, sem condições de investir numa casa, ou na melhoria da produção, seja industrial ou artesanal.

“Se você não tem o documento da terra, você não tem acesso à crédito, não tem segurança de onde você mora, naquilo que se constrói. Então, é necessário esse documento”, afirmou Dionísio, que já reside há 13 anos no bairro. Desde então, revela, a luta tem sido constante ao longo dos anos para resolver essa questão.

Vontade política

Elias Dionísio: “A qualquer momento que quiserem dar a documentação, poderão fazer isso” / Foto: Patrick Soares /

Na avaliação de Elias Dionísio, o que precisa para resolver esse problema da documentação da terra é vontade política, mas que todos os trâmites necessários para isso já foram dados. “Já estivemos no Iteraima [Instituto de Terras e Colonização de Roraima], já encaminhamos ofícios, o poder público conhece a nossa situação, a própria Secretaria de Planejamento pediu que fizéssemos um levantamento minucioso dos chacareiros e nós levantamos a situação das chácaras, quem tem e quem não possui georreferenciamento e encaminhamos todas as informações solicitadas. Ou seja, a qualquer momento que quiserem dar a documentação, poderão fazer isso”, detalhou.

O representante sindical afirmou ainda que participou recentemente de uma audiência pública em que os vereadores aprovaram a possibilidade de o Jardim das Copaíbas ser considerado Área de Interesse Social, o que resolveria essa questão da documentação, porque o Estado repassaria a área para o Município, abrindo caminho para que a Prefeitura procedesse à regulamentação daquele bairro, resolvendo o problema dos moradores.

Elias Dionísio citou também como um dos maiores problemas do bairro a falta de transporte público. De acordo com ele, o ônibus que serve o bairro só passa de seis em seis horas o ponto final é no início do bairro. Além disso, os táxis lotação geralmente se recusam a pegar passageiro para o Jardim das Copaíbas, dificultando ainda mais a vida dos moradores.

No final, o representante dos chacareiros avaliou como muito positivo o interesse dos vereadores em irem até o bairro ouvir as demandas dos moradores.

“É muito importante a vinda dos vereadores conhecer a nossa realidade. Vieram numa noite em que puderam constatar as ruas mal iluminadas ou sem iluminação, passaram por ruas esburacadas, vieram conhecer as queixas e a decepção do povo, porque a gente sabe que nesse momento atual o Brasil passa por um descrédito na política. Esses vereadores não vieram aqui pedir voto, porque já estão eleitos. Vieram ouvir a população. Isso para nós é muito importante. Em nome da Associação, nós só temos a agradecer”, disse.

Demandas serão transformadas em indicações

Dra. Magnólia Rocha: “Vamos trabalhar para tentar resolver das demandas dos moradores do bairro Jardim das Copaíbas da melhor forma possível” / Foto: Patrick Soares /

A vereadora Dra. Magnólia avaliou como muito produtiva a Sessão Itinerante do bairro Jardim das Copaíbas. “Contamos com a presença de nove vereadores, dentre os quais alguns da Legislatura anterior e já vêm trabalhando para resolver os problemas daquela comunidade, como Mauricélio Fernandes, Mirian Reis e Júlio César. As pessoas compareceram, participaram, encaminharam suas demandas e agora o próximo passo é conosco. Vamos pegar essas demandas e procurar os setores competentes a fim de que esses problemas sejam resolvidos”, afirmou.

De acordo com a vereadora, a maioria das demandas será transformada em indicações ao Poder Público Municipal para que tome as devidas providências. Em outras situações, os próprios vereadores poderão tomar a iniciativa de tentar resolver a questão, como é o caso da falta de água encanada e da iluminação pública.

“Antes da Sessão Itinerante, visitei o bairro para conhecer os problemas enfrentados pelos moradores e, ao verificar essa situação da energia elétrica, já procurei o presidente da Eletrobras Distribuição Roraima para tentar garantir a extensão da rede de energia até a parte que falta no bairro. Também fiz uma indicação ao Executivo para que coloque iluminação no único ponto de ônibus. Os demais pontos, vamos trabalhar para tentar resolver da melhor forma possível”, pontuou.

DA REDAÇÃO

Os comentários estão desativados.

//

Enquete

Sorry, there are no polls available at the moment.

Criado por:

Israel Dantas

FatoReal: Notícias, críticas, denúncias, ideias e devaneios

© Copyright 2010-2012 FATOREAL - Todos os direitos reservados!

Orgulhosamente feito em wordpress