MAIS MÉDICOS – Roraima ainda dispõe de 41 vagas para o Programa

0
110
Essas vagas serão destinadas para as próximas etapas, que irão selecionar médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior / Foto: Divulgação /

Com o fim da primeira fase de apresentação dos profissionais inscritos no Programa Mais Médicos, que era destinada àqueles com CRM (Conselho Regional de Medicina), teve início nesta quinta-feira, 20, e segue até sábado, 22, o prazo para brasileiros formados em instituições de ensino no exterior, e que não fizeram o Revalida.

O Revalida é um exame obrigatório para exercer a profissão de médico no Brasil, voltado para quem é formado em faculdades fora do país. Em Roraima são disponibilizadas 172 vagas para o Programa Mais Médicos, e destas 72 ficaram em aberto quando Cuba decidiu retirar os profissionais que atuavam no Brasil. A decisão veio após declarações feitas pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, que de acordo com autoridades cubanas, faziam referências em tom de ameaça à ilha caribenha.

Das vagas em aberto em Roraima, 31 foram homologadas na primeira fase. As 41 restantes é que poderão ser preenchidas até sábado. Depois disso, será aberto outro período de escolha das vagas remanescentes.

“Entre os dias 26 e 28 de dezembro, é que os profissionais estrangeiros, formados no exterior, poderão escolher os municípios onde querem trabalhar”, explicou Ipojucan Costa, coordenador do Mais Médicos na Sesau (Secretaria Estadual de Saúde).

MAIS MÉDICOS

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos ampliou a assistência na Atenção Básica fixando médicos nas regiões com carência de profissionais. O programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 DSEIs (Distritos Sanitários Especiais Indígenas), levando assistência para cerca de 63 milhões de brasileiros.

DA REDAÇÃO

Comentários